Magia negra e o Pacto das bruxas com o Diabo

Magia negra e o Pacto das bruxas com o Diabo

No célebre «Compendium Maleficarum» , ou o «Compêndio das Bruxas » de 1608, do notório padre e demonologista Italiano Francesco-Maria Guazo (n. 1570)  , pode-se ler: ´

«O pacto formado por uma bruxa e o Diabo pode ser expresso ou tácito. O pacto expresso consiste num voto solene de fidelidade, feita na presença de testemunhas, ao Diabo visivelmente presente em forma corporal. O pacto tácito envolve uma oferenda e uma petição escrita ao Diabo, e pode ser feita por procuração através de uma bruxa, quando o contratante tem medo de ver ou falar com o Diabo»

Assim se definem as duas formas como as bruxas podem celebrar Pacto com o Diabo, de acordo com «compendium maleficarum». Mais assim se pode ler como Compêndio das Bruxas:

«Existem onze assuntos comuns a todos os pactos, e esses podem ser organizados sob onze cabeças: primeiro, a bruxa nega a sua fé cristão, retirando a sua lealdade a Deus. Neste ponto, refere são Hipólito de Roma ( 170 – 235), que o Diabo obriga as bruxas as dizerem: “Renego o criador do céu e da terra. Renego o meu baptismo. Renego a adoração que antigamente prestava a Deus. Entrego-me a Ti, em Ti acredito”. Nessa altura o Diabo coloca a sua garra na testa da bruxa, como sinal de ter apagado e destruído a marca de baptismo cristão. Segundo, ele banha a bruxa num novo e profano baptismo. Terceiro, a bruxa renuncia ao nome antigo, e recebe um novo. Quarto, o Diabo faz as bruxas negarem aos padrinhos e madrinhas de baptismo, atribuído-lhes uns novos. Quinto, elas dão ao Diabo algumas das suas peças de roupa. O Diabo está ansioso por torná-las seus em todos os aspectos: dos bens espirituais, ele leva a fé e o baptismo, dos bens corporais ele reclama o sangue delas, como nos sacrifícios a Baal, dos seus bens naturais, ele reivindica os seus filhos, dos bens adquiridos ele reivindica uma peça de roupa». Sexto, as bruxas juram lealdade ao Diabo dentro de um circulo traçado na terra, porque o circulo é símbolo da divindade, e a terra é o escabelo de Deus,  e assim o Diabo deseja convence-las de que ele é o Deus da Terra. Sétimo, as bruxas oram Satanás para lhes tirar os nomes do Livro da Vida de Deus, e inscrevê-los no Livro da Morte do Diabo. Oitavo, prometem ao Diabo fazer-lhe sacrifícios. Nono, todos os anos as bruxas devem dar uma oferta aos demónios que são seus mestres, para evitar serem castigadas, e estas oferendas devem sempre ser de cor completamente negra. Decimo, o Diabo coloca a sua marca no corpo das bruxas, conforme os escravos fugitivos são marcados, e esta marca por vezes é imprimida sem dor, ou de forma terrivelmente dolorosa, conforme o agrado do Diabo. As marcas nem sempre são iguais, umas tem a forma de uma pegada de uma lebre, outras de um sapo, ou de uma aranha, ou de um cão. Assim como Deus no Antigo Testamento marcou os seus com a circuncisão, assim também o Diabo gosta de imitar a Deus. Décimo primeiro, quando as bruxas são marcadas, fazem muitos votos, como nunca adorar a Eucaristia, a que se seguem todo o tipo de heresias e sacrilégios para com a Virgem, os santos e a Igreja. Prometem também abster-se de usar o sinal da cruz, água benta, sal e pão abençoados, e todas as coisas consagradas da Igreja. Tendo de ir confessar-se ao padre, nunca confessarão toda a verdade, manterão total segredo sobre o seu Pacto com o Diabo. Juram que nos dias designados comparecerão ao Sabbat satânico, e participarão em nas suas actividades. Prometem também recrutar almas para o Diabo, e prestar os serviços do seu ofício de bruxas como forma de afastar de Deus as almas que procuram á magia negra. O Diabo em troca promete que sempre apoiará as bruxas, e que lhes trará felicidade após a morte.»

Assim está descrito no «compendium maleficarum» , ou o «O COMPÊNDIO DAS BRUXAS», as várias formas de se celebrar pacto com o Diabo, assim como das solenes formalidades requeridas para a sua validação.

Há porem sempre que salvaguardar, que o proponente do Diabo apenas pode fazer isso mesmo, ou seja, «propor-se» a celebrar pacto. Daí em diante, está sempre nas mãos do Diabo aceitar, ou declinar a proposta. O Diabo, tal como Deus, apenas escolhe quem quer, quem lhe convém, quem lhe agrada, e sempre conforme os seus desígnios.

Verdadeiros trabalhos de magia negra ?

Venha falar com que sabe.

Escreva-nos!

 

Trabalhos de magia negra, magia negra, amarrações, amarrações de magia negra, O altar de baphomet é uma Associação de natureza religiosa – informal e sem personalidade jurídica – fundada em 2011, e conforme os termos da Lei 16/2001 de 22 de Junho.O altar de baphomet é um altar privado de culto religioso privado e fechado. O altar de baphomet exerce os seus préstimos espirituais online, já há quase 1 década aqui abrindo caminhos nas causas mais impossíveis. No altar de baphomet praticam-se as artes da magia negra, invocações de espíritos de trevas, conjuraçoes de demónios, assombrações e aparições. Celebram-se missas negras para todos os fins: amarrações de casal, separações de casal, bruxaria de vingança, bruxarias de justiça, trabalhos de magia negra para afastamento de pessoas indesejáveis, trabalhos de magia negra para todos os fins.Desde 2011 a providenciar sucessos e vitorias, nos casos mais difíceis e desesperados, celebrando trabalhos de magia negra, magia negra, amarrações, amarrações de magia negra.

© 2019, admin. All rights reserved.

This entry was posted in magia negra and tagged , , , , , , . Bookmark the permalink.